1

Como surgiu o dia das mães?

 Oi pessoal! Com tantos afazeres, com tanta correria, nós mulheres, donas de casa, esposas, mães, filhas, irmãs, amigas encontramos um tempinho, mesmo que seja breve, para nos dedicarmos à algo que gostamos e que nos enche de alegria. Por isso, estou aqui e rapidamente, em meio a tantas coisas, vim fazer esta breve postagem e trazer meu carinho à todas as mamães que por aqui passam. Sintam-se abraçadas, com carinho, afeto e ternura!
 Vocês sabem como surgiu o dia das mães? Eu não sabia e fui pesquisar e vi que o dia das mães surgiu em virtude do sofrimento de uma americana que, após perder a mãe, passou por um processo depressivo. As amigas mais próximas de Anna M. Jarvis, para livrá-la de tal sofrimento, fizeram uma homenagem para sua mãe, que havia trabalhado na guerra civil do país. A festa fez tanto sucesso que em 1914, o presidente Thomas Woodrow Wilson oficializou a data, e a comemoração se difundiu pelo mundo afora.
 As mamães são homenageadas desde os tempos mais antigos. Os povos gregos faziam uma comemoração à mãe dos deuses, Reia. Na Idade Média, os trabalhadores que moravam longe de suas famílias ganhavam um dia para visitar suas mães, que os ingleses chamavam de mothering day.
 Existem diversos estilos de mães, as modernas, a tradicionais, as intelectuais e existem infinitas maneiras de exercitar o dom maternal, mães que se ausentam por motivos que não nos cabe julgar, para que outras possam exercitar a maternidade através da adoção, mães que dão a vida pelos seus filhos, mães que lutam dia-a-dia para sustentar e alimentar seus pequenos, mães que, como eu, deixam a profissão de lado para se dedicar aos filhos, mães que conciliam o trabalho fora de casa com a educação dos filhos, enfim, existem mães por toda parte de todo jeito! 
 Parabéns a você que é mãe, seja do que jeito que for, mas que é de todo seu coração, de toda sua alma, dando o máximo de si mesma para educar, vestir, alimentar e sobretudo amar infinitamente seus filhos!
 E para representar a maior de todas as mães, aquela que sofreu imensamente a dor da perda de seu filho e que é exemplo de amor, ternura, brandura e força, deixo a imagem de Maria, mãe de Jesus, abençoando a nós mães com sua bondade e aos nossos filhos, com seu cuidado e zelo.
 Tenham todos um lindo e iluminado sábado. Beijinhos! 





Um comentário:

  1. Bem esclarecedor! Legal! beijos, feliz e animado dia amanhã! chica

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, isso me fará muito feliz!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Encomendas


http://www.flor-de-melissa-atelier.com/p/contato.html


Marcadores

Visualizações