19

A fúria de Amar! - Blogagem Coletiva Junina


 Alegría é um espetáculo da companhia circense canadense Cirque du Soleil; intitula também uma das músicas apresentadas e cantadas durante o show que estreou em abril de 1994, quando a companhia completava uma década de existência. A trilha sonora de Alegría foi produzida por Robbi Finkel, com arranjos de René Dupéré e Finkel. A trilha foi produzida pela Cirque du Soleil Music INC.
 O espetáculo Alegría tornou-se uma das produções mais populares do Cirque du Soleil, passando por importantes cidades da América do Norte, América do Sul, Europa e Ásia.



 Aborda a esperança e a perseverança, porém, seu tema principal é o mau uso do poder político. O espetáculo foi produzido para que todos pudessem inspirar-se para serem pessoas melhores e capazes de trabalharem em conjunto com seus companheiros de caminhada. É algo entre os horrores de nosso passado e as grandes possibilidades do nosso futuro. Sua última apresentação foi em 29 de dezembro de 2013 em Antuérpia na Bélgica.


 O show conta a história de um reino distante em decadência onde não há um rei. Na ausência deste, inicia-se uma grande luta pelo poder do reino. Todos os personagens envolvidos querem este poder, de alguma forma, seja ela qual for, independente se irão trazer prosperidade ao reino.
 Inicia-se uma crise entre o que seria bom para o futuro do reino, sempre tratando-se de dualidades como o velho e o novo, a clareza ou a sutileza nos atos, as mudanças ou o conservadorismo. Há perseguições, lutas e certas seduções... Tudo o que envolve a luta pelo poder, a busca pelo domínio do reino.


 A música Alegría é interpretada pela cantora e atriz canadense Francesca Gagnon, participando da gravação do DVD do show como cantora principal, acompanhada por Ève Montpetit.
 Quem quiser conhecer todas as músicas que fazem parte do espetáculo, acessem o site oficial de Alegría - Cirque Du Soleil.


 Eu decidi trazer esta música para participar da Blogagem Coletiva que acontece neste mês de junho, uma deliciosa iniciativa da Alê e da Silvana. A participação desta sexta-feira apaixonada é uma música romântica e uma paixão.


 Alegría não é considerada romântica por muitas pessoas, mas definitivamente, eu não sou um modelo de pessoa como a maioria... Muitas vezes sou mais estranha do que normal, pouco ou quase nada padronizada, estou fora do que todos têm como tendência ou julgam ser o que é; sou confusa, confundo e o que parece ser para a maioria, para mim não é. #Juniconfusa #Junidiferente


 Mas para mim essa música é o retrato fiel do sentimento que nomeamos como Amor...
 Um raio de vida, loucamente nos entregamos ao que deveria ser equilibrado, quantas vezes loucuras são cometidas em nome do amor, furiosamente cedemos ao amor e a felicidade fugaz.
 Erroneamente fundimos amor com sofrimento, mesclamos o fascínio da felicidade terrena e material com o amor que é Divino, imortal. O amor liberta-nos da angústia, do medo, do ciúme, do poder material...


 Quando contei sobre uma das histórias da minha vida, relatei sobre o meu relacionamento com meu marido e sobre o fato de termos nos casado na Igreja Católica. Na época éramos católicos, sentíamos a necessidade da Cerimônia Religiosa em nossas vidas, completando ainda mais nossa alegria, realizando sonhos adormecidos e confirmando nossa União perante Deus.
 Hoje somos Espíritas Kardecistas e meu momento de consciência, interiorização dos ensinamentos de Jesus e das leis de Deus é outro, sei que para confirmar nosso amor, carinho, afetuosidade, ternura, tolerância e compreensão não necessitamos de um ritual, cerimônia ou algo que comprove o que sentimos um pelo outro, porém, não me arrependo e jamais me arrependerei de ter realizado esse lindo sonho na minha vida, na vida dos meus pais, dos pais do meu marido, dos meus filhos, enfim, foi uma Cerimônia especial e por todos os convidados vista como uma das mais lindas, emocionantes e repleta de energias amoráveis que já presenciaram.


 A música que escolhi para fazer parte da postagem que participa da Blogagem Coletiva Junina tocou no meu casamento em um momento lindo, no instante em que cumprimentávamos nossos pais, irmãos e padrinhos... Jamais irei me esquecer dos olhares de bençãos de minhas mães, de meu pai, foi realmente muito especial!

Alegria 
Alegria
Como um raio de vida
Alegria
Como um louco a gritar
Alegria
De um delituoso grito
Duma triste pena, serena
Como uma fúria de amar
Alegria
Como um assalto de felicidade

Alegria
Eu vejo uma faísca da vida brilhando
Alegria
Eu ouço um jovem menestrel cantando
Alegria
O grito bonito
Um rugir de sofrimento e de felicidade
Tão extremo
Um amor furioso em mim
Alegria
Um feliz e mágico sentimentos

Alegria
Como um raio de vida
Alegria
Como um louco a gritar
Alegria

De um delituoso grito
Duma triste pena, serena
Como uma fúria de amar
Alegria
Como um assalto de felicidade
De um delituoso grito

Duma triste pena, serena
Como uma fúria de amar
Alegria
Como um assalto de felicidade

Alegria
Como a luz da vida
Alegria
Como um palhaço que grita
Alegria
De um estupendo grito
De uma tristeza louca
serena
Como a raiva de amar
Alegria
Como um assalto de felicidade

De um estupendo grito
De uma tristeza louca
serena
Como a raiva de amar
Alegria
Como um assalto de felicidade

Um amor furioso em mim
Alegria
Um feliz e mágico sentimento


 E como não sou nada convencional, relacionaria paixão a sentimentos puramente terrenos, algo efêmero e ainda enraizado nos instintos arraigados em nossos espíritos. Assim sendo, sou apaixonada por Paris e adoraria, quem sabe, um dia conhecê-la.
 Porém, procuro transformar meus instintos e sensações menos nobres em algo sútil e indulgente, entre a ternura e o bem querer, procuro dentro de mim sentimentos de carinho e boa vontade em tudo quanto eu possa me esforçar para fazê-lo. 


 Não, eu não sou perfeita, não sou boa e também não uma pessoa iluminada... Sou um ser humano cheio de defeitos, envolto em dificuldades íntimas e angústias penosas que me consomem quase que diariamente, mas estou me esforçando para ser melhor a cada dia, aproveitando as oportunidades diárias, recebendo e dando carinho, passando bons exemplos através de meus próprios atos e tentando dificultosamente chegar o quanto antes a esse sentimento tão sublime e que nos eleva ao Altíssimo circundado de cantos angelicais - o Amor! 


19 comentários:

  1. Que lindo te ler,Juni e essa música faz parte da vida de vocês mesmo., tocada no dia ,na hora do casamento! Valeu! bjs, lindo dia! chica

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Só posso dizer que fiquei emocionada de ler o seu post, de ouvi sua música...linda e radiante!
    Perfeita!
    Parabéns!
    Já levei o seu link tá?!
    Obrigada por participar e dividir um momento tão lindo e especial!
    Lindo dia para vc!
    Um super bjo!

    Alê - Bordados e Crochê
    Fã Page

    ResponderExcluir
  3. Que postagem rica, a música é linda. Adorei.
    Beijos, feliz dia dos namorados e bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  4. Que participação emocionante, Juni
    Gostei demais de saber da sua história de amor.
    Linda música escolhida.
    Te desejo uma ótima tarde.
    Beijinhos de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  5. Que lindo post querida,este circo é encantador!
    Feliz dia dos namorados!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Muito bem,magnifica postagem fizeste!! A alegria é fundamental nas nossas vidas e o romantismo tambem!! Muitos cumprimentos e excelente fim-de-semana!! Até breve!!

    ResponderExcluir
  7. Maravilhosa postagem! Eu era louca para assistir esse espetáculo, mas não foi possível... Rsrs.
    Gostei muito da sua definição sobre si mesma. Bom fim de semana! Bjão.

    ResponderExcluir
  8. Juni:
    Seu post reflete boas energias.
    Que VOCÊ continue espalhando sementes de AMOR e recebendo vribrações positivas em sua vida.
    Bjs.:
    Sil

    ResponderExcluir
  9. Como não gostar do seu texto intimista,revelação de seus profundos anseios? Gostei muito, muito! E revi-me nas suas palavras. Isto de estar vivo, não é fácil, não é simples. É essa luta atenta, consciente, permanente, no dia a dia tentando suprimir imperfeições.
    beijo da Nina

    P.S Le Cirque du Soleil já atuou aqui repetidamente. Infelizmente, nunca assisti.

    ResponderExcluir
  10. Oi Juni!
    Post lindo o de hoje. O Cirque du Soleil é mesmo demais, quem já teve a oportunidade de conhecer sabe muito bem disso.
    Parabéns pelo post, pela música e pela bela homenagem no Dia dos Namorados!
    Bjssss amiga

    ResponderExcluir
  11. Oi Juni!
    Que belo post!
    Eu conheci o Cirque du Soleil há muito tempo, mudando a TV de canal e sempre dizia que queria ter a oportunidade de assisti-los, mas quando vieram pra cá, o preço era algo absurdo para os meus padrões rsrs. Então... continuo admirando, mas pela TV qdo tenho essa sorte. A estória por trás do espetáculo é maravilhosa e é o que vivemos repetidas e repetidas vezes, o que me faz pensar... será mesmo que o ser humano evolui? Os mesmos erros continuam sendo praticados: a ganância, a falta de perdão...

    Assim como vc, não sou nada convencional e o que importa para tantos, para mim não diz nada, o que nos faz certos "ETs", mas no bom sentido...

    Escolheu uma belíssima música e que maravilha poder tê-la gravada na memória desse jeito tão inesquecível.

    Abração esmagador e ótima semana.

    ResponderExcluir
  12. Oi Flor que legal fiquei feliz em saber que o soneto é seu vc escreve muito bem, espero que seu talento alegre muitos corações s por ai.

    beijocas boa semana

    ResponderExcluir
  13. Oi Juni
    bem vinda ao lar dos não convencionais, rs
    tb sou assim, muitos são assim
    digamos que são pessoas sensíveis, amorosas, que procuram o verdadeiro sentido da vida
    seu post está terno, revelador, e seu poema nos diz verdadeiramente a linda pessoa que és
    A música enlaça tudo o que dizes!
    bj

    ResponderExcluir
  14. Vou te pedir um favor
    só farás se quiser, ok?
    avise a Melguinha que não consigo comentar no blog dela
    não sei o porquê, mas como a vi aqui,
    já tentei, mas nao consegui
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Zizi, pode deixar que aviso ela sim!
      Obrigada pelo carinho, beijos.

      Excluir
    2. Olá Zizi,sou eu,a melguinha2,eu vou modificar a caixa de comentarios dos meus blogues assim que eu possa para tu tentares comentar numa próxima oportunidade,obrigada por avisares!!

      Excluir
  15. Olá,ainda bem que me avisas,mas fico imensamente contente que a Zizi Santos me visite!! Pode ser que ela consiga comentar numa próxima oportunidade,diz-lhe que basta colocar o nome e url do blogue dela para poder comentar,beijinhos querida Juni,até breve!!

    ResponderExcluir
  16. Olá, vim retribuir a sua visita lá no meu cantinho e olha fiquei encantada ao chegar aqui, alias parabéns vc escreve muito bem adorei e vou aproveitar para explorar suas postagens...,
    Beijos e uma abençoada semana

    ResponderExcluir
  17. Adorei conhecer a musica dos teus momentos maravilhoso. E como a musica marca nosso momentos. Uma belo post.
    Bjos tenha um ótimo dia.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, isso me fará muito feliz!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Encomendas


http://www.flor-de-melissa-atelier.com/p/contato.html


Marcadores

Visualizações