7

Cuca de banana com goiabada

 E esta semana está passando que eu nem estou vendo. Hoje já é quarta-feira!!! Quando eu era criança o tempo demorava tanto a passar, as férias de final de ano demooooravam para chegar...hoje em dia, mal começa o ano e quando piscamos já estamos em clima de Natal. Por que será que a percepção do tempo muda dessa forma? Acredito que quando envelhecemos o tempo volta a ser como quando era na infância, as coisas ficam mais lentas, as horas demoram a passar, a paciência é maior...mas nesse meio tempo, a correria doida, os afazeres e mil e uma atividades realizadas ao mesmo tempo faz com que as horas passem, os dias passem de uma forma assustadora que mal nos damos conta.
 Respira fundo, contemple a natureza e sinta as pequenas coisas que a vida nos proporciona, aí está o segredo de uma vida simples mas cheia de alegrias e contentamento.
 E é nessa simplicidade que me inspirei para fazer uma receitinha deliciosa de Cuca de banana com goiabada. A banana veio do rancho e para aproveitar a colheita, entramos numa fase de receitinhas com banana e nada melhor do que iniciarmos essa fase com a Cuca.
 Anote, faz e depois me conta...

Cuca de banana com goiabada

Ingredientes:




  • 1 xícara de chá de açúcar
  • 1/2 xícara de chá de manteiga
  • 4 ovos separados
  • 1/2 xícara de chá de leite
  • 2 xícaras de chá de farinha de trigo
  • 1 colher de sopa de fermento em pó
  • 1 pitada de sal
  • 200 gramas de goiabada cortada
  • 4 bananas prata ou nanica cortada
  • canela em pó e açúcar para polvilhar
 Modo de fazer

Bata bem o açúcar, a manteiga e as gemas até formar um creme; coloque o leite, intercalando com a farinha, o fermento e o sal.


 Bata as claras em neve e junte delicadamente a massa.


 Coloque metade da massa na assadeira untada e polvilhada.


 Eu usei a assadeira de silicone, portanto, não precisa untar.
 Distribua a goiabada e cubra com o restante da massa. Arrume por cima fatias de banana, polvilhe açúcar com canela e asse em forno quente.
 Polvilhei canela e coloquei duas colheres de sopa de açúcar demerara.O açúcar demerara preserva o melaço da cana-de-açúcar, porém é um pouco mais processado do que o mascavo. A vantagem dele é que não altera o sabor e nem a cor das preparações.



 Ficou uma delícia! E o melhor de tudo é que recebemos a visita do meu sogro, ele jantou conosco - o cardápio ontem era comida de buteco: porção de fritas, calabresa e farofa de cebola com bacon - estávamos esperando por ele, mas não esperávamos que ele ficasse conosco para jantar e foi uma surpresa maravilhosa. Depois do jantar nos deliciamos com esse bolo saudável, simples mas que traduz o carinho e afeto que coloco nas preparações culinárias que faço na minha cozinha!
 Espero que façam e me contem depois, tenho certeza que irão aprovar!
 Gostaria de comunicar que estou preparando um post especial de sorteio, então fiquem de olho meninas, vem sorteio por aí e muito mais surpresas!!! A D O R O !
 Beijinhos e até mais.
37

Rotina de blogueira

 É com muita satisfação que venho fazer esta postagem marcando minha presença na tag do blog Meu Doce Lar, da querida e doce Karin Filgueira.


 Gente, tenho que confessar que acredito que o convite para participar desta tag não veio por acaso. Ultimamente venho tentando estabelecer uma rotina na minha vida entre meu trabalho, tarefas da casa e blog, mas está complicado...e de repente, a Karin me faz esse convite! Pensei: - Puxa vida, isso só pode ser um sinal! rsrsr Preciso estabelecer horários de trabalho, visitas aos blogs e afazeres da casa o quanto antes.
 Pois bem, eu tenho uma rotina pré-estabelecida apenas com as tarefas que realizo com meus filhos e com os cuidados da casa, blog e trabalho ficam para "assim que tiver um tempinho, corro lá e faço" e isto estava me deixando chateada e atarefada, sem tempo para minhas encomendas e para o blog.


 Nada mais propício para aproveitar a deixa e resolver isto com esse belo convite da Karin.
 Acho que nós blogueiras, arteiras, mães, esposas e donas-de-casa não vivenciamos a rotina no seu verdadeiro significado. Rotina é o hábito de fazer as coisas sempre da mesma maneira, hábito que se opõe a inovações ou progresso; relutância contra o que é novo. Neste sentido, acredito que nenhuma de nós se encaixa, porque o que mais temos em nossas veias de arteiras de plantão é a vontade de inovação, mudança e experimentação do que é novo. Rotina no meu caso são as tarefas que necessito fazer todos os dias, mas sempre com um "que" de novidade, porque afinal, se ficarmos presos a uma rotina metódica e sem inovações iremos ficar desmotivados, sem ânimo para criar e para se inspirar nas artes e postagens. Convenhamos que, até mesmo para realizar as tarefas diárias, precisamos de inspiração, pois não dá para servir sempre a mesma coisa no almoço e jantar, mudamos as toalhas do banheiro, as roupas de cama e os tapetes da casa, nisso tudo existe a necessidade da inspiração, do zelo e da boa vontade, quebrando a rotina pesada e fadigante que os afazeres diários impõe.


 Então vamos a minha rotina diária...
 De segunda a sexta eu acordo e arrumo meu caçula, enquanto isso meu marido faz o lanchinho da escola. Quem os leva é meu marido, ele deixa as crianças e passa na padaria, volta para casa para tomarmos café juntos. Tomamos café, conversamos sobre assuntos diversos e o marido sai para trabalhar. Assim que ele sai eu já vou cuidar das galinhas, coloco ração e troco a água e vou aguar a horta e as plantas. Nesse momento a minha ajudante chega e já começa as suas tarefas na casa - sim, eu tenho uma ajudante diária, pois minha casa é muito grande e tenho muitas tarefas a realizar, além do meu serviço com artesanato.
 Cada dia da semana tenho uma atividade distinta para fazer pela manhã. Aproveito essa parte do dia para realizar as tarefas que seriam complicadas de serem feitas com as crianças, pois eles estão na escola. Fica um pouco complicado nas férias, mas daí é outra estória...
 Na segunda eu fico em casa pela manhã. Separo as roupas de cama e banho para trocar, lavo a roupa, organizo algumas bagunças do final de semana, como brinquedos das crianças, papéis e livros. Faço o almoço e aproveito para cozinhar feijão para a semana. Entre uma atividade e outra entro no facebook, faço minha postagem diária de bom dia, visito os blogs e costumo ir montando e digitando a postagem que vou colocar no ar naquela semana. Se for preciso, também aproveito para dar banho nos cachorros!



 Meu marido chega para almoçar com as crianças. Após o almoço, monto os exercícios de estudo do meu filho mais velho, já que ele tem prova toda terça. Dou banho no caçula e levo ele para aula de inglês, o mais velho fica estudando em casa com a minha ajudante que estará terminando a limpeza. Enquanto o caçula está na escola de idiomas, aproveito para fazer as compras do varejão e eventualmente, comprar algumas coisas no supermercado ou algum material que necessito para os meus artesanatos. Pego o caçula no inglês e vamos para casa lanchar. Após o lanchinho, confiro os estudos do mais velho, se necessário, e faço a lição de casa com o caçula. O mais velho toma banho e eu o levo para sua aula de inglês.
 Quando volto, dou uma conferida rápida no facebook, se ainda não fiz a postagem no blog, aproveito para finalizá-la e colocar no ar. Águo a horta novamente. Se tenho estudo para montar dos trabalhos realizados no Centro aos sábados, aproveito esse tempinho para dar início.
 Marido chega com o filho mais velho, fazemos o Evangelho no Lar e jantamos. Após a janta eu e meu marido gostamos de bater um papo sentados no banco do jardim ou na mesa de jantar mesmo, contar as atividades e acontecimentos do dia. Logo já é hora de ir para cama, pois colocamos as crianças para dormir as 22:00 horas.
 Na terça-feira faço todas as atividades citadas, menos regar as plantas e a horta, pois saio para ir a academia. Quando chego, tomo banho, águo as plantas e a horta e faço o almoço, sempre com o notebook na cozinha, assim vou visitando os blogs e fazendo minhas postagens no facebook.



 Após o almoço faço a tarefa de casa com o caçula e daí vou dar andamento aos meus trabalhos. As crianças não têm atividades extras na terça, então, aproveito para pintar ou costurar. É aqui que entra meu desafio, pois sempre acabo fazendo alguma outra tarefa de organização da casa ou de lição das crianças e acabo me atrapalhando na finalização das costuras ou pintura. Nesse dia também, sempre faço um bolo ou alguma outra guloseima para as crianças comerem no lanchinho da tarde. Ao final do dia molho a horta novamente. Jantamos e as crianças assistem um pouco de TV enquanto eu e marido conversamos sobre nossos dias.
 Na quarta-feira de manhã vou a terapia. Chego e faço minhas tarefas de rotina, entro no face e nos blogs, vou fazendo o almoço. Aproveito algum tempinho para dar andamento ao meu estudo do sábado no Centro. Lavo roupas também na parte da manhã.
 Depois do almoço descanso meia horinha com o caçula. Dou banho nele e o levo para o inglês, enquanto ele fica na aula, aproveito para fazer algumas coisas, como ir no varejão ou no açougue comprar alguma mistura para o jantar. Quando voltamos eles comem o lanche da tarde e logo após eu faço a tarefa de casa com o caçula. Levo o mais velho no inglês, volto e termino meus estudos de sábado.
 Meu marido chega, nós conversamos um pouco, jantamos e eu faço alguns trabalhos artesanais. Logo já colocamos as crianças na cama para dormir.
 Na quinta-feira minhas atividades são basicamente como as de terça. É um dia bastante proveitoso na parte da tarde e da noite, onde adianto muitas tarefas dos meus trabalhos artesanais.
 Na sexta-feira vou a manicure pela manhã. Volto para casa e visito os blogs, se tenho tempo faço alguma postagem aqui no blog. Enquanto vou preparando o almoço também vou colocando a roupa na máquina para lavar.



 Na parte da tarde também me dedico ao meu trabalho, enquanto isso fico logada no facebook e sempre dando uma olhadela na lista de postagens dos blogs que sigo, assim vou atualizando as visitas. É um dia que rende bastante, já que as crianças não têm tarefas da escola para fazer. Só a noite que levo o mais velho na psicopedagoga, mas meu marido busca.
 O sábado é um dia delicioso! Acordamos de manhã e tomamos café juntos, meu marido leva as crianças na Evangelização e eu fico organizando a casa, lavo o quintal, cuido das galinhas e da horta. Leio mais uma vez o meu estudo do Centro ou a lição que será interpretada por outro colaborador, dependendo da escala.
  No sábado não faço almoço, meu marido traz alguma coisa para comermos ou fazemos lanches na sanduicheira. À tarde vou ao Centro, é um momento muito bom e de muito aprendizado. Voltamos para casa, eu faço um lanche rápido com meu marido e meus filhos, tomo banho e os levo na casa da minha mãe para eu poder voltar ao Centro, pois temos outro grupo de estudos às 17:30.
 Quando saímos do Centro, pegamos as crianças e cada sábado é de um jeito. Algumas vezes fazemos uma comidinha em casa, outras vamos em algum restaurante ou então, vamos para o rancho.
 No domingo descanso das atividades diárias, excluindo de cuidar das minhas galinhas e da horta, isso não dá pra ficar sem fazer! Rsrsrsrs
 Minhas semanas são bastante agitadas e com muitas coisas para fazer. Como vocês viram, tenho pouco tempo para blogar e para realizar meu trabalho, mas espero que com as crianças crescendo isso possa melhorar e gradativamente eu vá tendo um pouco mais de tempo livre para essas atividades.
 Agora, seguindo as regrinhas da tag da Karin:

  • Fiquem a vontade para utilizar imagens de suas preferências para ilustrar suas postagens;
  • O banner da tag está a disposição com todo o carinho para todas utilizarem, caso desejem linkar o blog que a indicou para a tag;
  • Indicar 5 blogs;
  • Linkar os indicados e avisar cada um deles da indicação.
 Os blogs que indico para participar são:

  1. Jardim da Lucinha
  2. Recicla, cria e...
  3. Angela Artesanato
  4. Arte e Mimos
  5. Atelie Natureza
 Espero que os blogs indicados gostem, aprovem e participem. Esse tipo de blogagem é muito positiva para a interação entre as blogueiras e para divulgação dos nossos cantinhos.
 Agradeço mais uma vez o convite da Karin, deixando aqui minha satisfação em ter participado desta tag.
 Beijinhos e até mais.






 
12

Receita de Quiche de Frango



 Domingo fiz um jantar cheio de carinho para receber minha família do coração, como falei no post anterior. Fiz costela com batatas assadas, arroz, feijão com bacon, salada de alface da horta aqui de casa, farofa e uma quiche de alho poró. Para sobremesa fiz um manjar de coco, mas ao invés de ameixas, coloquei damascos secos na calda.
 Eis que sobrou massa da quiche e eu guardei embalada na geladeira. Ontem fiz outra quiche com a massa restante, só que desta vez fiz de frango. Vim compartilhar a receitinha com vocês, super fácil, rápida e fica deliciosa. Comemos tudo!!! (#gulosos)

Quiche de frango

 Massa:

2 xícaras e 1/2 de farinha de trigo
150 gramas de margarina
1/2 lata de creme de leite sem soro
1 colher de chá de sal

Recheio:

1 peito de frango cozido e desfiado
1 tomate picadinho
1 dente de alho amassado
2 colheres de cebola picadinha
óleo para refogar
cheiro verde, sal, pimenta-do-reino e estragão a gosto

Cobertura:

1 copo de requeijão

 Em uma vasilha coloque a farinha com o sal e aos poucos vá misturando com a manteiga, misture até ficar homogêneo. Coloque o creme de leite e o restante da farinha, misture bem até soltar das mãos. Se precisar use um pouco mais de farinha. Coloque em um saco plástico culinário e deixe na geladeira por 10 minutos.
 Enquanto isso prepare o recheio. O frango já deve estar cozido com um pouco de sal. *Dica: Coloque o peito de frango para cozinhar na pressão com água e sal por 40 minutos. Desligue o fogo e deixe sair a pressão sozinha, abra a panela e escorra a água. Tampe a panela novamente e chacoalhe a panela para frente e para trás com bastante força, o peito de frango desfiará como você nunca viu! Quanto mais chacoalhar, mais desfiado ficará. (Essa dica quem me deu foi minha querida sogra!, lembranças que ficam eternizadas em nossos pensamentos).
 Doure o alho e a cebola em um pouco de óleo, acrescente o frango desfiado, o tomate e os temperos a gosto. Nessa fase, se quiser, poderá colocar ervilha, palmito, azeitonas, eu não coloquei porque meu filho mais velho não gosta e eu queria que ele comesse tudo, sem ter que ficar separando os alimentos, entendem? E ele comeu mesmo. Que delícia!!! 
 Reserve o recheio.
 Coloque a massa em uma forma para quiche ou torta abrindo com as mãos mesmo. Não precisa untar a assadeira. Asse em forno alto por 20 minutos ou até que fique dourada. Ah, fure o fundo da massa na assadeira com um garfo, para ela não formar bolhas.
 Se o recheio fosse aquele que vai ovo cru, creme de leite fresco etc, a massa deveria ser pré-assada por apenas 10 minutos em forno alto. Mas como o recheio não precisa cozinhar, pode assar a massa até ficar douradinha.
 Depois de assada, coloque o recheio e o requeijão por cima. Leve ao forno alto por uns 10 minutinhos e pronto!


 Uma delícia. Postei ontem no facebook e as meninas adoraram, minhas amigas DanielaErica e Danny Canella ficaram com água na boca e pediram a receita. Aí está meninas, quando fizerem me contem como ficou, tenho certeza que ficará saborosíssima!!!
 Beijos e até mais.
3

"Quase" finalização do Licor de Figo

 Não vou nem começar a falar que o tempo está escasso! Pronto, já comecei...rsrsrs
 Desculpem não ter vindo aqui semana passada fazer a postagem da "quase" finalização do licor. Quase porque ele ainda precisará descansar por mais sessenta dias até ficar no ponto exato de servirmos.
 Bem, mas não posso deixar de perguntar como foi o dia dos pais de vocês? Tudo ok? Aqui em casa foi ótimo, de manhã fizemos um café da manhã surpresa pro papaizão e servimos na cama. Ainnn que gracinha meu caçula fazendo suco de laranja pro pai! Meu marido é um pai especial, sempre me ajudou muito, desde que as crianças nasceram ele sempre foi aquele pai que dá banho, troca fraldas, acorda de noite pra pegar o bebê para eu dar de mama, dava papinha, faz mamadeira e educa, participa em todos os sentidos, vai nas reuniões da escola quando não posso, enfim, é um pai exemplo e que eu jamais encontrei igual conversando por aí...Depois fomos almoçar com a minha família, disse ao meu pai o quanto ele é importante na minha vida e agradeci por tudo de bom que ele fez pra mim, meu pai é uma referência forte na minha vida, sigo seus exemplos de honestidade e sinto nele um porto seguro para todos os momentos da minha caminhada! E a tarde viemos para casa e eu preparei um jantar super especial para receber a minha família do coração, porque a família do meu marido não é minha família de sangue, mas estão dentro do meu coração! Recebi meu sogro com carinho e ternura, pois ele é um guerreiro, um homem de fibras que criou seus filhos com todo zelo e afeto que reside dentro de sua alma e hoje segue seu caminho sem a presença da matriarca que tanto nos amparou, que tanto nos auxiliou com suas palavras e sabedoria, mas ele segue firme e forte, se esforçando todos os dias para caminhar na senda evolutiva que todos devemos percorrer!
 Mas vamos ao passo-a-passo? Então, bora lá...

 Licor de figo

 1 litro de álcool de cereais curtido por 60 dias com as folhas de figo (Clica aqui e confere como fazer)
 1 e 1/2 kg de açúcar refinado
 1 litro de água filtrada

 Separe os ingredientes e...


 ...coloque o açúcar...


...e a água.


 Misture bem. Faça uma calda perolada em fogo brando, deixe ferver por 10 minutos.


 Não deixe queimar o açúcar. A calda não pode ser grossa, para isso não ultrapasse os 10 minutos depois que começar a ferver. Deixe esfriar completamente.


 Pegue o álcool de cereais curtido com as folhas de figo.


 Coe o álcool em um pano de pratos limpo, de preferência novo.


 Vejam as folhas como ficam...


 Aqui o álcool já coado.


 Misture o álcool com a calda completamente fria.


 Depois de misturar bem, coloque novamente em vidros ou garrafas e deixe em um local escuro por mais 60 dias, agitando de vez em quando.


 Fácil não é mesmo? Só é demorado, mas é super fácil. Coloquei em vidros grandes, ao final dos 60 dias vou engarrafar e daí mostro aqui novamente. Então, a próxima postagem com a real finalização do Licor de Figo será dia 04 de outubro, já que fiz estas etapas no dia 04 de agosto, que foi quando completaram-se os 60 dias da primeira etapa.
 Eu experimentei assim mesmo e gente, ficou delicioso! Fico imaginando daqui sessenta dias como estará ainda melhor!
 Então, pra quem por ventura, estiver fazendo a receita e para quem quiser se aventurar a começar a fazer seu próprio licor, temos um encontro marcado em outubro para nos deliciarmos com essa maravilha, especialmente produzida com cuidado e carinho por nossas próprias mãos e não tem coisa mais especial, concordam? Uma ótima lembrança de final de ano para darmos a alguém tão especial quanto os passos desta receita.
 Por enquanto é isso. Espero que tenham gostado, fiquem com Deus e até mais. Beijos!


10

Batatas assadas com alecrim

 Que tal fazer essa receitinha básica mas com um toque que faz toda a diferença? 
 Eu adoro alecrim, tenho plantado aqui em casa e o aroma e sabor me encantam. O alecrim ou Rosmarinus officinalis também conhecido como alecrim de cheiro, alecrineiro ou alecrinzeiro tem o nome de origem latina e significa orvalho do mar, em alusão ao seu perfume, já que ele brota especialmente nos litorais.
 O alecrim é uma erva medicinal cheia de ramificações e seus arbustos podem atingir até 1,5 metros de altura! Na época de floração desabrocham pequenas flores azuis. 


 No Mediterrâneo é raro não encontrar alecrins nos jardins, sendo eles bem utilizados na topiaria. Suas propriedades são digestivas e anti-inflamatória e pode ser usado como remédio caseiro para tratamento de má digestão e reumatismo. Com o alecrim pode-se preparar um ótimo suco de ervas para cólicas menstruais. É também muito utilizado para tratamentos de depressão, nos estados de exaustão e fadiga, na luta contra os gases intestinais, fraqueza do coração, falta de apetite e como cicatrizador de lesões.
 As abelhas também são atraídas por seu aroma e, com o auxílio de suas flores, elas elaboram um mel de alta qualidade, muito apreciado por quem mantém apiários, pois o alecrim intervém positivamente no seu paladar. Há inclusive várias plantações deste vegetal próximas a locais de produção de mel.


 Mas então, vamos a receita?

Batatas assadas com alecrim

Ingredientes:

Batatas
Sal
Ramos de alecrim

Modo de fazer:

 Descasque as batatas.


 Coloque os ramos de alecrim na água para cozinhar as batatas. Aqui eu cozinhei as batatas no vapor com uma panela própria que eu adoro e que tem um significado enorme pra mim, pois foi minha sogra quem me deu de presente quando me casei! Quantas lembranças...
 Coloquei os ramos de alecrim na água e as batatas na parte de cima da panela, onde cozinharam no vapor e ficaram impregnadas com o aroma e sabor que o alecrim soltou.



 Deixe cozinhar com a panela tampada até que estejam macias. Passe para uma forma que possa ir ao forno e salpique sal por cima das batatas.
 Aqui utilizei o sal rosa do Himalaia. Esse sal é recolhido manualmente, sem sofrer nenhum tipo de refinamento, contém até 84 minerais em sua composição como o ferro, manganês, cálcio entre outros, por isso de sua coloração rosada. Ele é colhido em depósitos milenares que provém de vestígios de um enorme oceano pré-histórico. Suas propriedades auxiliam no tratamento de acne, desintoxicação do corpo, problemas nos pés, psoríase, picadas de insetos, conjuntivite e machucados. Também pode ser usado para inalação e bochechos. Diferente do sal marinho consegue realçar os alimentos, conferindo novas experiências gustativas.


 Deixe as batatas dourarem no forno alto e bom apetite!


 Que tal para o almoço de hoje?
 Espero que tenham gostado. Estou preparando o post para finalizarmos a receita do Licor de Figo. Os sessenta dias que precisávamos para obter o álcool aromatizado com as folhas aconteceu nesta segunda-feira dia 04. Estou montando o passo-a-passo final e ainda esta semana venho mostrar, ok?
 Beijinhos, fiquem com Deus! 
12

Pureza



 Olá! Como passaram o fim de semana? Nós fomos para o rancho no sábado a noite e voltamos no domingo. Foi um dia muito gostoso em família, fazia bastante tempo que não íamos para o rancho, apesar de termos ficado apenas uma noite e um dia, deu para saciar um pouquinho da saudade de estarmos ali...
 Vim compartilhar com vocês nesta postagem a minha participação na brincadeira do blog da Chica. Toda semana ela traz uma palavra para formarmos uma frase com sete palavras incluindo a que ela propôs. Esta semana a palavra é Pureza e me chamou bastante a atenção o significado dessa palavra em nossas vidas.


  Um dos símbolos da pureza é a Flor-de-Lótus, uma planta muito estudada por botânicos que tentam descobrir por que a Flor-de-Lótus nunca fica suja e absorve toda sujeira que nela se encontra. É chamada de flor "auto limpante". Seus mistérios são muitos e sua imagem usada em várias etnias pelo mundo. Na Índia os deuses sempre estão perto de uma ou sentando em cima delas, a flor-de-lótus também é uma posição na yoga, pois para os budistas ela significa o amor de Buda por representar pureza emergindo imaculada de águas lodosas. No Japão, na época de surgir seus botões as pessoas se dirigem aos lagos para ver a beleza da flor-de-lótus se abrindo.
 E na nossa vida cotidiana, o que buscamos deixar puro? Podemos nos referir a água que bebemos, aos alimentos que comemos, ao ar que respiramos...tudo isso deve ser puro para que possamos ter uma boa qualidade de vida.


 Se a água está impura não a tomamos, caso contrário ficaríamos doentes, se os alimentos estão impuros, nós buscamos lavá-los e deixá-los limpos para que possamos nos alimentar bem, se o ar está impuro, buscamos formas de poluir menos para que possamos respirar melhor.
  Mas e os nossos pensamentos, os nossos sentimentos? Cuidamos do alimento do nosso corpo e isso é extremamente necessário, afinal precisamos manter o nosso corpo saudável para que possamos cuidar também de nossos sentimentos, pois o corpo é instrumento proveitoso que devemos utilizar para construções edificantes - "Que cada um de vós saiba possuir o seu vaso em santificação." - Paulo - I Tessalonicenses, 4:4. Essa recomendação de Paulo aos tessalonicenses ainda é muito atual nos dias de hoje. O vaso da criatura é o corpo que lhe foi confiado e devemos sempre nos esforçar para manter um equilíbrio na manutenção deste envólucro material que nos encontramos hoje.
 Estabelecendo um equilíbrio entre mantermos puro tudo o que beneficiará nosso corpo e mantermos puros nossos pensamentos e sentimentos, estaremos vivendo em harmonia e com energias salutares capazes de nos auxiliar em momentos de dificuldades. Instituir esse equilíbrio é a tarefa difícil e muitas vezes o ponto onde falhamos. Eu penso que para conquistarmos êxito nesta tarefa é imprescindível compreendermos os danos que maus pensamentos e sentimentos doentes causam em nossa vida e em nosso corpo físico. Mas, muitas vezes não conseguimos atingir esse ponto de equilíbrio e de compreensão, ignorando aquilo que nos faz bem. Ou damos muita importância ao corpo, esquecendo dos sentimentos ou o contrário, cuidamos demais da alma e deixamos o corpo padecer pelos vícios e más inclinações que nos trazem patologias muitas vezes desnecessárias em nossa atual existência.


 Deixo aqui meus queridos um convite, para encontrarmos dentro de nós meios de buscarmos sempre essa harmonização entre corpo e mente, para que possamos sempre viver e conviver cada vez melhor com nossos irmãos de caminhada.
 Vamos cuidar dos nossos pensamentos, mantendo-os elevados, sem desejar o mal ao próximo, sem ambicionar aquilo que não é para nós, sem cultivar o pensamento maledicente a respeito do companheiro de caminhada e consumá-lo com palavras. E vamos ter a iniciativa de curar nossos sentimentos doentes, primeiro identificando-os e em seguida tratando-os, seja com o esforço de tentar perdoar uma ofensa, com a coragem e valentia de tolerar as dificuldades do próximo, com boa vontade e bom ânimo em ajudar aqueles que necessitam, mesmo que seja a necessidade de um abraço, de um sorriso, de um gesto de carinho ou de uma palavra amiga.
 E se em tudo isso agregarmos a pureza que buscamos na água, no alimento e no ar aos nossos pensamentos, sentimentos e ações, com certeza o início de um longo caminho na seara do bem estará começando.  
 "Bem aventurados os puros de coração, pois verão a Deus." - Mateus 5:8


 E minha participação na brincadeira...


 "A pureza tem que vir do coração."
 Tenham todos uma linda e abençoada semana. Beijos!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Encomendas


http://www.flor-de-melissa-atelier.com/p/contato.html


Marcadores

Visualizações