9

O que será?



 O mundo tem nos apresentado uma imensidão de notícias trágicas envolvendo crianças e adolescentes dominados pela violência e por uma carência de valores morais básicos para o bom desenvolvimento do ser humano.
 Fico me questionando sobre tudo o que está acontecendo e quais as verdadeiras causas de tanta falta de educação nas escolas, tanta violência verbal e física uns com os outros em redes sociais e em seus círculos de amizades.
 Percebo que um conjunto de fatores ao longo dos tempos desencadeou esse tipo de atitudes e comportamentos dos jovens de hoje.


 Um sistema falho que desautoriza professores e nesse caso, não falo de professores agressores, violentos e impositores do medo como antigamente, porque eu nunca fui a favor de bater e ensinar por meio de agressões físicas ou verbais, falo da falta de autoridade de um professor dentro da sala, onde não consegue exercer seu papel e muitas vezes sente-se frustrado por não conseguir ensinar que em todo lugar existem regras a serem cumpridas para que haja uma boa convivência uns com os outros e para que o ensino possa fluir de forma positiva e construtiva na vida de cada um.
 Pais que já não querem mais ensinar seus filhos e delegam aos professores e profissionais da saúde uma conduta que é de sua responsabilidade.


 Sim, eu sei, esse é um assunto muito complexo e repleto de vertentes que nos levam para muitos caminhos e conclusões.
 Mas o ponto onde quero chegar é o da educação que nós, pais e mães, devemos ensinar aos nossos pequeninos.
 A Evangelização dos pais é o primeiro passo para uma boa educação e quer saber onde isso vai dar?


 Confere hoje às 19:00 no blog da doce e linda Karin, o Meu Doce Lar.
 Conto com vocês! 
 Beijinhos...





9 comentários:

  1. Lindas e acertadas palavras! Temos que questionar mesmo o que anda faltando! Lindo post! bjs, tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Querida Juni!
    Por isso eu e meu marido resolvemos que eu iria parar de trabalhar fora para poder melhor acompanhar o nosso pequeno. Pois acreditamos tbém, que as crianças estão indo mto cedo para escola/creche, quase não se tem o convívio familiar, e perderam totalmente a noção do que é uma Família, sendo assim, não se respeitam e não respeitam o próximo! Infelizmente uma triste realidade...
    Ótimo post!
    Lindo dia!
    Um super bjo!

    Alê - Bordados e Crochê
    Fã Page

    ResponderExcluir
  3. Juni, querida!

    Educação é mesmo a base de tudo, e como é importante propagarmos isso porque ela tem sido banalizada, deixada, sigamos, para segundo, terceiro plano!
    Deus capacita, os pais devem entender, de uma vez por todas, que "a educação começa em casa" realmente e os professores precisam encarar a parte que lhes cabe dentro das salas de aula.
    É, assim, um trabalho em equipe!

    O post será publicado às 19hs, ficou maravilhoso!
    Obg por poder contar com sua MARAVILHOSA COLABORAÇÃO, querida!

    ESTENDO MEU CONVITE PARA AS SUAS LEITORAS, QUE SERÃO SUPER BEM VINDAS E RECEBIDAS COM MUITO CARINHO NO MEU DOCE LAR!

    Super bj e que Deus abençoe vc, sua linda família, seu lar e todos os seus sonhos! <3

    ResponderExcluir
  4. Olha Juni,você falou exatamente o que me fez desisti de ser educadora,pois vi que não tinha como ensinar ao jovens o que os pais teriam que ter feito.
    Os pais de hoje acham que professor tem que ensinar além de conteúdo didáticos,eles tem que ensinar respeito,valores,ética,que muitas vezes os jovens não vê em casa.
    São sabia a suas palavras.
    Vou visita sim ao blog da Karin,pois tenho duas filhas e quero sempre aprender mais.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Olá Juni,
    Muitas vezes me questiono a mesma coisa...eu lembro que, quando era criança, minha mãe sempre dizia que na "época" dela era melhor, que as pessoas respeitavam mais umas às outras...Hoje, com 35 anos, olho para frente e digo a mesma coisa: que na "minha época" era melhor...o que acontece com o mundo? Realmente está piorando ou somos nós que tendemos a sempre achar erroneamente que antes era melhor? Infelizmente fico com a primeira opção! =(
    Beijos e ótimo final de semana pra ti!!

    ResponderExcluir
  6. Oi Juni!
    Tão verdadeiro tudo isso e também acredito que um belo caminho é a evangelização dos pais. Trabalho numa ONG de crianças onde fizemos este trabalho, e o resultado é maravilhoso...adorei a postagem! beijos e bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Boa noite Juni!
    Acabei de vir do Blog Meu Doce Lar
    Parabéns, ótimo texto!
    Querida, faz 3 anos que não leciono e não pretendo voltar...
    A área da Educação está deprimente e não tenho vontade de encarar...não tenho estrutura psicológica para aguentar as coisas como estão...e sozinha não faço a diferença do jeito que as coisas estão...
    Por enquanto não sei o que vou fazer, a parte de artesanato é muito pouco...acaba sendo mais um hobbie...mas ano que vem pretendo ver certinho, o Davi começa na escolinha e vou ver o que acontece, rsrsrs...
    Lindo FDS!
    Um super bjo!

    Alê - Bordados e Crochê
    Fã Page

    ResponderExcluir
  8. Ouve um tempo em que os professores eram tão respeitados e vice e versa...com as fam´lias creio eram mais ajustadas, hoje tem muitos pais jovem , imaturos q acham que educaçao tem que vir da escola e não o contrário....não querem responsabilidades e culpam os professores...tudo errado e não creio que vá melhorar! bj

    ResponderExcluir
  9. Verdade Juni, sou professora e sei bem o que é isso. Muitas das responsabilidades que cabem aos pais, são repassadas a nós como únicos detentores de educação. Claro, que alguns fazem o seu papel, realmente acompanham e ensinam valores aos seus filhos que farão diferente para todo o futuro deles. Mas não são todos, e acabamos nos sobrecarregando.
    Adorei o seu post! Um domingo abençoado para você! Bjs.

    www.artesanatoqueuamo.com

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, isso me fará muito feliz!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Encomendas


http://www.flor-de-melissa-atelier.com/p/contato.html


Marcadores

Visualizações